11 agosto 2006

The Shining by Stanley Kubrick (1980)

Isto de ter de alimentar um blog é por vezes bem mais complicado do que possa parecer a quem não está familiarizado com essa forma de expressão. Principalmente quando o "blogger" pensa, como eu, que o único critério a seguir é o das suas preferências cinéfilas. Imaginem que passam a semana a seguir receitas simples, tipo ovos estrelados com fatias de fiambre e salsichas, entretanto no fim de semana recebem em vossa casa a família e/ou os amigos e têm de preparar algo bem mais elaborado. A sensação que se sente é igual à que eu sinto quando me aventuro a escrever sobre obras-primas. Mas pronto, são estes posts que dão mais brilho aos blogs, portanto cá vai:

Vou apresentar-vos The Shining do grande Stanley Kubrick, infelizmente já desaparecido. Para não fugir à regra, só descobri a arte de Mr Kubrick há bem pouco tempo, quando tive oportunidade de ver um dos seus melhores filmes (The Shining) e logo um filme que aborda e nos transmite aquela sensação que eu penso ser a minha preferida; o MEDO!!!

The Shining é um grande filme, daqueles que figuram em qualquer top da história do Cinema, é protagonizado por um dos melhores actores de todos os tempos (Jack Nicholson), realizado por um dos melhores realizadores de todos os tempos e escrito por um dos melhores romancistas na área do suspense, Stephen King. Posto isto o resultado só poderia ser um: inesquecível!!!

Jack Torrance (Nicholson), arranja emprego como guarda de um hotel, o Overlook Hotel, nas montanhas do Colorado. O hotel é sazonal e todos os anos é necessário contratar alguém para o vigiar e tratar da manutenção primária durante o Inverno. Torrance e a sua família serão os únicos ocupantes do hotel durante todo o Inverno. Tudo corre na normalidade até que as tempestades de neve boqueiam e isolam a família Torrance no hotel. Depois, bem depois... é melhor não desvendar mais, acho que já chega!!!

Trivia: * O Timberline Lodge, um hotel no Oregon, foi usado para filmar os exteriores, no entanto o responsável pelo hotel pediu a Kubrick para não usar o número do quarto 217 (tal como estava escrito no livro de Stephen King), visto que as pessoas poderiam não querer ficar mais naquele quarto depois de verem o filme. Kubrick mudou então o guião e alterou o número para 237, um quarto não existente no verdadeiro Timberline Lodge!

* Kubrick ordenou 127 takes numa cena com Shelley Duval (a mulher de Jack Torrance). A isto chama-se direcção de actores. É aí que começa o trabalho de um grande realizador.

* Stanley Kubrick mostrou a toda a equipa o filme Eraserhead (David Lynch) para lhes transmitir os sentimentos que pretendia que sentissem.

* Devido à idade de Danny Lloyd (o filho de Jack Torrance) e ao facto de ser o seu primeiro papel, Kubrick teve sempre uma atitude ultra protectora duante as filmagens, de tal forma que Danny só soube que tinha participado num filme de terror quando o filme estreou.

* A ideia de atirar a bola de ténis contra a parede foi de Jack Nicholson. No guião apenas estava escrito "... Jack is not working..."

* Para a cena em que Jack parte a porta da casa de banho com um machado, o departamento de preparação das cenas construíu uma porta fraca, fácil de partir, no entanto Nicholson trabalhou como voluntário nos bombeiros e portanto partiu-a muito facilmente. O departamento teve então de construír uma porta bem mais forte.

* Anjelica Huston, mulher de Jack Nicholson na altura das filmagens, confidenciou que devido às horas que Jack passava a filmar e devido ao estilo de direcção de Kubrick (takes atrás de takes), Nicholson chegava a casa, caía na cama e só acordava no dia seguinte.

Espero que tenham gostado tanto deste post como eu gostei de o escrever... deu-me muito gozo partilhar convosco todas estas curiosidades. Voltarei brevemente.

A votação para este filme é, sem grande espanto: 9.4/10

3 comentários:

rosa disse...

palavras pra quê? medo puro!

mmfatucha disse...

Como também é um dos meus filmes preferidos, gostei de saber essas curiosidades e não só.

Melgão disse...

È pá tu tambem gostas deste filme.Isto è uma grande obra de literatura de suspense e um grande filme do Stanley,esse ganda maluco.

Bem só quero dizer que o blog tá fixe mas devias falar doutras cenas tambem:musica,gajas,fotos,gajas...
:)
tá-se
Melgão